Psicopedagogia

Psicoterapia Jungiana

crianças | jovens | adultos

Bianca Vasques

CRPp Sindical 0226

Canal Bianca VasquesFacebookInstagram

 Preencha aqui


Argila, Aquarela, Fantoches, Dramatização, Colagens, Dobraduras, Contos de Fadas: por meio das atividades artísticas encontramos terreno seguro para o aprendente entrar em contato com elementos subjetivos que estão enfraquecendo a sua relação com o objeto do conhecimento. 
Exercitando a sua capacidade criativa, o aluno reconhece a sua autoria frente às suas produções impactando positivamente em diversos contextos.  

Oficinas criativas são essencias para desbloquear aspectos emocionais obturadores da aprendizagem. 



Sou Psicopedagoga e preciso de supervisão

Todo começo profissional é desafiador.
É essa a finalidade da supervisão, recorrer a quem poderá contribuir com o seu repertório profissional: teórico e prático,  diante de contextos complexos ou iniciais da prática clínica.
Os encontros podem ser presenciais ou feitos por whatsapp, skype, hangout. 
E ainda você poderá ter direito à supervisão gratuita.





Por ser investigativo, o atendimento psicopedagógico começa pela etapa de avaliação.
Nesta fase será observada a modalidade de aprendizagem que o sujeito possui.
Em que nível cognitivo se encontra, quais as características subjetivas relacionadas à escola, à família podem estar interferindo na relação com a aprendizagem.
E o histórico de vida desse sujeito desde bebê até o momento presente, em que se considera questões de ordem orgânica familiar. 

São 8 encontros que compõem esta primeira etapa, seguindo então para a fase de devolutiva (família e escola). 

Neste momento poderá ser solicitado a avaliação de outros profissionais, como a a de um neuropsicólogo, neuropsiquiatra, fonoaudiólogo dependendo das demandas ali apontadas.

E então chegamos na etapa de intervenção.
Que são as atividades que atuarão diretamente nas demandas objetivas e subjetivas, considerando o contexto e o repertório do sujeito aprendente. 

As etapas do protocolo Psicopedagógico


Sou Professora e preciso de aconselhamento profissional

Quem pensa que se reinventar em sala de aula é apenas uma questão de técnica comete um grande equívoco. 
É necessário auto-conhecimento, diálogo interior e reconhecimento das suas fragilidades e potencialidades. 

O
Coaching para Educadores nasceu da percepção de um sintoma recorrente dos educadores em se sentirem esvaziados de sentido dentro das suas práticas em sala de aula.

Preços acessíveis e flexibilidade de horários. 
Atendimento via skype, whatsapp (vídeo chamada), hangout.  


​​​​​​​





Neurofeedback
Estimulação cerebral por neurometria

É uma técnica não invasiva, utilizada para realizar a análise funcional do Sistema Nervoso, assim como Treinamento Cerebral Computorizado, com objetivo de melhorar a Saúde Física, Mental e Emocional, e /ou potencializar a Alta Performance acadêmica e profissional.

​​​​​​​Pode ser aplicado em crianças, adolescentes e adultos.
Por meio de sensores que captam impulsos fisiológicos e possível detectar a relação entre o cérebro, o corpo e o comportamento.

​​​​​​​Dessa maneira, é possível não somente detectar conflitos emocionais que alteram a saúde orgânica, mas também é possível realizar treinamentos personalizados que ajudem o indivíduo a diminuir algum mal estar físico, emocional, e como resultado, melhorar sua qualidade de vida e bem-estar.

​​​​​​​Auxiliar no tratamento: pânico, ansiedade generalizada, depressão, estresse, déficit de atenção e hiperatividade, melhora a coordenação motora, estimula o pensamento lógico e a concentração, memória etc



Quebra-cabeças, jogos de tabuleiro, blocos de montar,  recursos áudio-visuais computadorizados (treinos específicos neurocognitivos) compõem o repertório de práticas de estimulação de estruturas cognitivas. 

​​​​​​​Atividades lúdicas dirigidas fazem parte do processo terapêutico psicopedagógico. 

O psicopedagogo é o especialista em problemas de aprendizagem, que além de ajudar o aluno a conhecer a sua modalidade de aprendizagem, os aspectos objetivos e subjetivos que possam estar interferindo negativamente na aquisição do conhecimento (distúrbios, bullying, etc), também é o med​​​​​​​iador, aquele que estabelecerá estratégias junto à escola, à família, ao trabalho (no caso de jovens e adultos) para que este caminho de mobilização da aprendizagem seja o mais saudável possível.

A quem podemos recorrer?

My Image

Enfrentando os problemas de aprendizagem

My Image

O atendimento Psicopedagógico é um caminho de reconhecimento das próprias potencialidades enquanto aprendente e ensinante.